Pensando em 2017: Dúvidas frequentes sobre a educação a distância




2017 bate à porta. Se você ainda não tem planos para ele, é uma boa ideia começar. 

Que tal fazer uma graduação a distância? Eu entrei nessa e estou adorando a experiência. Como os cursos EAD só vêm crescendo no mundo inteiro, eu trouxe uma lista de perguntas e respostas frequentes sobre a área. 

Boa leitura!

  • O que é o ensino a distância?
Uma modalidade de ensino que permite que professor e alunos estejam separados por tempo/espaço, utilizando a internet e outros meios de transmissão de dados para que se realizem as aulas. O antigo Telecurso 2000 é um exemplo de curso a distância. Mas hoje em dia, a forma mais comum é através da internet, em plataformas feitas para as instituições de ensino.

  • Quando começou?
Aqui no Brasil, começou lá pelos anos 1900, com uma professora particular que ensinava datilografia por correspondência! Depois, evoluiu para o rádio, para a TV e agora invadiu a internet.


  • Como funciona?
Se você faz um curso universitário, por exemplo, sua faculdade provavelmente usa uma plataforma própria ou criada para universidades. É o caso do Blackboard, que é adotado por universidades ao redor de todo mundo, inclusive aqui no Brasil. E você estuda indo poucas vezes (ou nenhuma) à faculdade/escola.
  • Quanto custa?
De acordo com o site www.ead.com.br, a mensalidade de um curso de graduação a distância no Brasil custa, em média, R$260. Não é caro, comparado a muitos cursos presenciais por aí. Além disso, há universidades federais que oferecem curso EAD.
  • Para quem vale a pena?
Vale a pena para quem quer cursar duas graduações ao mesmo tempo, como eu. Também para quem não tem uma rotina que permita assistir a aulas regularmente, para quem mora longe da universidade e até para aqueles que estão com a grana curta.
  • Quais os cursos geralmente oferecidos?
É mais fácil falar dos que não são oferecidos, ainda, a distância. São os cursos de engenharia, moda, arquitetura e alguns outros. Mas vale lembrar que a expansão da modalidade EAD é rápida, então pesquise antes de achar que não tem oferecimento daquilo que você quer cursar!

  • Quanto tempo dura?
Geralmente, o mesmo tempo que o presencial. 
  • São reconhecidos pelas empresas?
O diploma de graduação EAD com reconhecimento do MEC vale tanto quanto o presencial. Isso é garantindo pelas leis do nosso país.


  • Quais as desvantagens?
É preciso muita disciplina, foco e organização. Falo por experiência própria. A faculdade vai te dar um prazo. Ter lembretes do que há para fazer cabe a você apenas. As redes sociais e a Netflix estão a um clique de distância. No meu caso, são necessárias algumas estratégias para não me distrair e entrar no buraco negro das interwebs, não esquecer de entregar listas de exercícios, marcar provas presenciais. Não é porque é a distância que é fácil. Muito pelo contrário.
  • Quais as vantagens?
Além do preço, fazer um curso a distância permite uma autonomia maior pro aluno, já que é "só" ficar de olho nos prazos, não tem (em alguns casos) aula com hora marcada, lista de chamada... Ou seja, não precisa encarar trânsito todos os dias pra poder estudar. Você estuda quando pode, no conforto da sua casa. De pijama, com um chazinho. Pelo celular, computador ou tablet. Perfeito.


E aí, se animou? Bora estudar. E se você ainda tiver alguma dúvida, pergunte aqui nos comentários. Ajudo com tudo que puder. Um abraço!

Fontes:



Coisas simples que você não sabe para que servem

 Você já parou para pensar para que servem objetos que você vê no dia a dia, como aquele bolso minúsculo na sua calça jeans? Acha que é pro isqueiro e moedas? Errou! Neste post você descobre a função dessa e outras coisinhas que você nem suspeita que têm utilidade.


Você sabe que dia é hoje?




18/04 é o dia nacional da literatura infantil!
Essa data foi escolhida em 2002, em homenagem ao Monteiro Lobato. Se nós formos da mesma geração, você provavelmente também deve ter devorado todos os livros do Sítio do Picapau Amarelo. Passava hoooras lendo, nem ouvia a mãe chamar pra jantar. Ê tempo bom! Como é um dia digno de comemoração, vou fazer aqui uma lista de dez dos livros que marcaram minha infância (impossível fazê-lo em ordem de importância).

*Dica de ouro: se você gosta de ler, fique até o final. ;)